terça-feira, 25 de março de 2014

Resenha: Cidades de papel

Quentin é vizinho de Margo, pela qual é apaixonado desde a infância. Dias antes de se formar no terceiro ano ele recebeu uma visita dela no meio da madrugada, e uma proposta diferente: Se vingar de todas as pessoas que ela não gostava, sua paixão o fez aceitar e ter uma das melhores e mais divertidas noites de sua vida. No dia seguinte Margo desapareceu e ele havia sido a última pessoa a ver ela, como isso já havia acontecido outras vezes a policia não deu muita atenção ao caso, ele se revoltou e decidiu procurar ela com a ajuda de seus amigos. A partir desse momento coisas inusitadas acontecem, eles descobrem pistas e vão atrás dela, nos fazendo criar teorias sobre onde Margo possa estar.
John Green é um escritor incrível, e neste livro nos faz mergulhar na história como se fossemos algum dos personagens querendo desvendar este mistério.

Espero que tenham gostado, beijos, até a próxima :)

Nenhum comentário:

Postar um comentário